É considerada a história de amor mais dramática e mais arrebatadora de todos os tempos o enredo que William Shakespeare escreveu para entreter o público da sua época, provavelmente mais sedento de finais melodramáticos do que nós, que temos a urgência da felicidade rápida (ou não). Entre brigas de famílias, encontros furtivos de uma paixão clandestina e dois amantes mortos no sepulcro, não é fácil contar às crianças Romeu e Julieta, esta peça que retrata um amor maldito.

Claro que a intenção de Shakespeare terá sido expor os preconceitos, os tabus e as crenças de uma sociedade (senão de todas) e demonstrar que o amor é sempre (e às vezes, o último) vencedor. Mas como explicar às nossas crianças a sequência de violência neste percurso, sobretudo o desfecho mortífero?

Pois é aqui que entra o Teatro Praga e a sua interpretação deste clássico. O espectáculo Romeu & Julieta – uma excelente e lamentável sobremesa foi pensado para contar a história daquelas duas personagens à crianças e aos jovens, tendo-se criado também uma »sessão descontraída» destinada ao público com necessidades especiais. Em palco entram Cláudia Jardim, Diogo Bento e Pedro Penim para conduzir os espectadores numa viagem inaudita pelo universo shakespeariano: às voltas numa cozinha, dois adolescentes apaixonados têm pela frente uma receita de cheesecake, espátulas e caçarolas, queijo ricota e doce de goiaba.

Através do modo de preparação da receita, dos ingredientes e dos utensílios, Romeu & Julieta – uma excelente e lamentável sobremesa vai contando de forma divertida a tragédia dos Montecchio e dos Capuleto. Um espectáculo para crianças e jovens (e adultos!) a partir dos 9 anos, no Teatro Municipal Maria Matos até dia 29 de Outubro, com bilhetes entre os 3 e os 7 euros.

Sandra Marques Augusto | Colectivo 71.86

Imagens © Direitos Reservados

Comments

comments