Eu tinha dito que este ano ia voltar ao ginásio … et voilá!

O “namoro” com o Private Fitness começou através de um amigo que não só falava muito bem do ginásio e dos pt’s como já mostrava grandes resultados.

Passo seguinte, comecei a espreitar o instagram. Não demorei até chegar ao “é mesmo isto!”.

O Private Fitness é um ginásio diferente. Algumas pessoas disseram e escreveram ,por altura da inauguração, que só se entrava por convite. Mentira. Qualquer pessoa pode ir desde que pague a mensalidade como em qualquer outro ginásio. No entanto este ginásio é bem diferente de todos os outros. É um conceito mais restrito, daí o nome Private Fitness… “it’s more like a friends club” (é mais como um clube de amigos).

Algumas regras deste espaço:

  • no máximo estão 8 pessoas a treinar ao mesmo tempo;
  • os treinos são sempre acompanhados por um pt e sempre diferentes;
  • são sempre marcados de vêspera.

O Pedro Correia e o João Ricardo Oliveira são as caras do Private Fitness (Lisboa e Cascais). Duas pessoas que dominam nesta área e que não brincam em serviço. Os treinos são sempre diferentes, ou seja, indo todos os dias, todos os dias tenho um treino diferente. Doer ou ficar dorida é bom sinal. O dia em que deixar de doer é porque algo não está bem! Gosto desta filosofia. 🙂 Demorei um ano a chegar aqui e agora que cheguei estou disposta a tudo.

Se custa? No treino de pernas quase que chorei! Nem conseguia subir as escadas! 😉 Faz parte e até sabe bem.

A Marta Mendes é outra das caras do Private Fitness. Nutricionista que nos ajuda a perceber o que podemos/não podemos comer. Ainda não tive a consulta mas mal tenha … sim partilho tudo.

Meti na cabeça que até Março quero resultados. Quais? Perder algum peso mas acima de tudo tonificar e ganhar músculo. Ser mais forte. 😉

 

Para dar certo não depende só de ir ao ginásio… como diz o Pedro, eu só lá estou 1 hora. Interessa sim como eu me porto fora do ginásio! As outras horas fora daquele espaço são cruciais. E eu que acordo sempre tão cedo! Ter cuidado com a alimentação é extremamente importante e para isso conto com a ajuda da Marta.

Os dados estão lançados, agora é seguir com todo o power! No pain, no gain. 🙂

 

Comments

comments

COMPARTILHAR
Artigo anteriorTerça-feira …
Próximo artigoNão passo sem…