Não consigo imaginar a minha vida sem música. Ainda antes de nascer já havia música na minha família.

Desde os Onda Choc aos MiniStars, os Heart das irmãs Wilson que o meu irmão adorava … Cock Robin, Bruce Springsteen, ou mesmo os Marilion da minha irmã … na sala de jantar dos meus pais o silêncio era proibido. Ainda hoje é assim: a minha mãe nas suas voltas à casa tem sempre música. Normalmente cd, ela ainda não conhece o Spotify! 😉 Diz que assim está bom, não mexe! 😉

Por norma o domingo era o dia da família estar reunida, íamos almoçar fora e como o Renault 5 vermelho não tinha rádio eu levava um portátil para irmos a ouvir música. Eu era a dj de serviço! 😉

A minha avó cantou na emissora nacional e foi professora de música. O meu irmão tem o conservatório de música clássica. E eu fui para a rádio. Se no início ou quando saí da faculdade pensava ser jornalista de investigação assim que ganhei o casting na Mega Fm (hoje Mega Hits) esse sonho foi por água abaixo.

E se antes da rádio eu não era fã de festivais de música (nunca fui adepta do sudoeste) ora isso tudo mudou. Na Mega Fm fiz o Rock in Rio os dois primeiros anos em Portugal e depois quando fui para a Comercial, Alive, Sudoeste, Marés Vivas, Primavera Sound … e basicamente nasceu um monstro dos festivais! 🙂 Adoro.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Aproximam-se os festivais de verão e eu já estou em pulgas.

O primeiro é o Nos Primavera Sound. Um festival completamente diferente e único no Parque da Cidade do Porto.

Curiosa para ver: Lorde.

Do Norte para Lisboa …

 

Este ano o Parque da Bela vista volta a receber o Rock in Rio Lisboa.

 

Curiosa para ver: Haim e The Killers.

 

Em Julho e no Passeio Marítimo de Algés acontece mais uma edição daquele que é o meu festival do coarção: Nos Alive.

Curiosa para ver: Snow Patrol, Khalid, Rag N Bone, MGMT, Franz Ferdinand e claro os Pearl Jam.

 

Ainda em Julho voltamos ao Norte para o Meo Marés Vivas.

Este ano o festival de música de Gaia sai do Cabedelo e o recinto vai ser maior com a promessa de ter a mesma vista. 🙂

Curiosa para ver: Jamiroquai (apesar de já o ter visto várias vezes).

 

Comments

comments